Utilizando a História da Matemática no Ensino Básico

Um catálogo elaborado com o objetivo de subsidiar os professores nas aulas de matemática

Ao longo dos últimos anos, educadores e matemáticos têm realizado diversas pesquisas teóricas e empíricas acerca dos usos da história para o ensino de conteúdos de matemática. Alguns pesquisadores apontam as dificuldades dessa abordagem, porém enfatizam também suas potencialidades. Desse modo, torna-se importante que professores da educação básica tenham acesso não somente aos artigos teóricos – como é possível encontrar em diversos periódicos – ,mas também a materiais didáticos preparados com esta finalidade.

O catálogo intitulado “Utilizando a História da Matemática no Ensino Básico” desenvolvido por Karoline Marcolino Cardoso, licenciada em ciências pela Universidade de São Paulo (USP), é fruto de um trabalho de Iniciação Científica realizada entre agosto de 2016 e julho de 2017 na Faculdade de Educação da USP com bolsa do Programa Institucional de Bolsas de Iniciação Científica – PIBIC do Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico – CNPq.

Catálogo

Sabendo das necessidades e dificuldades encontradas pelos professores na busca de materiais para aprimorar suas aulas, o catálogo surge da ideia de reunir, em um único local, trabalhos que possuem sugestões de atividades para a sala de aula, ligados à história da matemática. O catálogo tem como o objetivo trazer subsídios para os professores de matemática do ensino básico, apresentando a relação dos trabalhos encontrados e selecionados durante a realização da pesquisa realizada por Karoline.

Baixe o catálogo aqui.

FIGURAS E SÓLIDOS GEOMÉTRICOS-EDM0321

A atividade se faz importante para a construção da percepção de que os elementos estudados na escola podem ser observados no mundo cotidiano. Para que isso seja possível é necessário treinar o olhar das crianças para os padrões da natureza e objetos, de modo a ressignificá-los. A possibilidade de nomear algo é um importante passo para lhe atribuir sentido. Com a matemática não deve ser diferente e ainda, quanto mais visual, concreta e ancorada nos elementos do cotidiano, mais acessível se torna seu ensino.

Sequências pictóricas-numéricas e regularidades – EDM0321

A presente proposta didática pretende trabalhar as sequências e regularidades com crianças do 1º ano do Ensino Fundamental I, na faixa etária de 6 a 7 anos de idade, e consiste em uma atividade lúdica de um jogo, no qual serão utilizadas ilustrações no lugar dos números. Optamos por utilizar imagens de frutas, para que as crianças possam construir sequências com essas imagens levando em consideração duas categorias de análise, tamanho ou cor, que podem ser ampliadas posteriormente conforme a criança se apropriar dos conteúdos.